google-site-verification=v4gfVoNicq4JaILeN9gKFuBXosUUCsFUGUnufJEbRJU

QUAL A DIFERENÇA ENTRE NUTRIÇÃO E RECONSTRUÇÃO NO CRONOGRAMA CAPILAR? ENTENDA!



Para que o cabelo fique bonito e saudável, só a hidratação não é suficiente: também é importante reservar um tempo para cuidar dos fios com nutrições e reconstruções! Mas, além do fato do primeiro tratamento aparecer mais vezes que o segundo no cronograma capilar, você realmente sabe a diferença entre eles? Confira a matéria para entender a função das duas etapas e o efeito de cada uma nas madeixas!





NUTRIÇÃO REPÕE OS LIPÍDIOS DO CABELO E COMBATE O RESSECAMENTO


Depois da hidratação, a nutrição é o tratamento que deve ser feito com mais frequência no cabelo - principalmente, se ele for naturalmente mais seco ou tiver tendência a ressecamento. É que, contando com a ação de óleos e manteigas, essa etapa é a responsável por criar uma barreira de proteção que sela os nutrientes hidratantes na fibra capilar e, ainda, por repor os lipídios nos fios - ou seja, devolver sua oleosidade natural. 

Para quem segue cronograma capilar, basta se guiar pela tabela indicada para o seu tipo de fio para seguir a frequência ideal do tratamento. Mas, para quem não costuma organizar um calendário de cuidados, a dica é observar o estado do cabelo para saber se ele está precisando ser nutrido - como acontece quando há excesso de frizz, opacidade e pontas ressecadas. 


O que usar para nutrição?

Máscaras ricas em óleos, como o queridinho óleo de coco, ou manteigas já garantem a nutrição dos fios. Mas, para um tratamento mais potente, vale alternar o uso desses produtos com uma umectação capilar - que é uma técnica antiga, muito usada pelas indianas, que consiste em aplicar óleo puro da raiz às pontas e deixá-lo agindo por duas horas ou mais. 


RECONSTRUÇÃO DEVOLVE AS PROTEÍNAS QUE O CABELO PERDE NO DIA A DIA PARA QUE ELE FIQUE MAIS FORTE


Por mais que a hidratação e a nutrição estejam em dia nos cabelos, as agressões externas  - como o uso de químicas, vento, sol e poluição -  acabam enfraquecendo a fibra capilar por comprometerem suas proteínas. Por causa disso, para recuperar esse componente e deixar os fios mais fortes e saudáveis, é muito importante turbinar os cuidados básicos investindo em reconstruções.  

No entanto, diferentemente do que acontece com a nutrição, é importante ter cautela na hora de fazer o tratamento para que o cabelo não fique com excesso de proteínas. No caso dos quimicamente tratados ou danificados , essa etapa acaba sendo a mais necessária e pode ser feita de 15 em 15 dias - ou até semanalmente, se a perda da elasticidade for um dos problemas. Mas, se os fios estiverem saudáveis e naturais, uma reconstrução mensal já é suficiente!


O que usar na reconstrução? 

Como o cabelo precisa recuperar as proteínas, a dica é apostar em máscaras que contem com a ação desse componente. As versões ricas em queratina e ceramidas, por exemplo, estão entre as melhores opções por fortalecerem e criarem uma camada protetora que impede que danos externos comprometam a fibra capilar. 




15 visualizações
Cópia_de_whatsapp.png

 Terça á Sábado: 09:00 - 19:00

Tel: (11) 2941-9030 

  • Preto Ícone Instagram
  • Twitter Basic Black
  • Facebook Basic Black
  • Black Google+ Icon

R. Antônio de Barros, 10 - Tatuapé,
São Paulo - SP, 03089-000, Brasil

® 2020 Todos Direitos Reservados por Diva Beauty e Estética. Desenvolvido por Agência x10