google-site-verification=v4gfVoNicq4JaILeN9gKFuBXosUUCsFUGUnufJEbRJU 5 segredos que você precisa conhecer antes de pintar o cabelo

5 segredos que você precisa conhecer antes de pintar o cabelo


Para garantir que a cor saia exatamente no tom desejado, é preciso seguir alguns cuidados antes de pintar os cabelos


Ter fios saudáveis, testar a cor com antecedência, dar um intervalo entre técnicas, seguir cuidados caseiros e usar produtos não agressivos são os pré-requisitos para ter cabelos perfeitamente coloridos. Abaixo, ensinamos todos os truques para você conquistar exatamente o loiro, castanho ou ruivo desejado.


O sucesso da cor depende da saúde dos seus fios


Isso significa que, se os fios estiverem ressecados ou muito porosos, correm o risco de não absorver a tintura direito e até de manchar. Daí a importância de mantê-los sempre  hidratados. É preciso fazer uma hidratação, pelo menos uma vez por semana, com produtos enriquecidos com manteiga de karité, óleo de argan ou macadâmia para preparar os fios. Se o cabelo estiver muito fraco e malnutrido, invista em produtos reestruturantes, que devem conter proteína e queratina na fórmula.


Ache o tom certo para você


Descubra o tom da sua pele levando em conta a cor de seus olhos. Azuis ou verdes indicam, em geral, pele fria; olhos castanhos ou mais escuros entram na categoria pele quente ou neutra. O tipo quente costuma fazer boa parceria, com fios cobre e nuances de marrom. Já a pele fria ganha destaque com loiro-platinado, castanho acinzentado ou vermelho-bordô. E a neutra fica bem com qualquer tom.

Apesar de genérico, o truque ajudará a guiar sua escolha. Mas é indispensável fazer um teste de mecha (pintando só um pedacinho) antes de bater o martelo. Dá mais segurança em relação à cor eleita, evita  arrependimentos futuros e permite detectar possíveis reações alérgicas.


Pinte primeiro, alise depois


O ideal seria optar por um ou outro método, pois ambos são muito agressivos. No entanto, como essa opção é quase impossível, prefira colorir ou fazer luzes antes de partir para a progressiva ou o relaxamento. O motivo: depois de passar por esse tipo de procedimento químico, o fio demora mais para pegar a cor e, portanto, o tempo que o descolorante ou a tintura ficará em ação será muito maior. O resultado são mechas mais agredidas e, portanto, mais ressecadas. Se, ainda assim, por alguma razão, você precisar alisar o cabelo antes da coloração, substitua a tinta por tonalizante, que é menos prejudicial.

Escolha as alternativas menos danosas


As tinturas sem amônia são as menos agressivas. Vai fazer reflexos? Prefira tinta ao pó descolorante, que retira a massa do cabelo, deixando-o poroso. Se o objetivo for cobrir fios brancos, pergunte ao cabeleireiro sobre técnicas específicas, que depositam o produto somente neles – assim você evita a aplicação desnecessária nas demais mechas. Em casa, quem não tem muito cabelo branco pode trocar a tintura pelo tonalizante, que, como já dissemos, agride menos o fio.




14 visualizações
Cópia_de_whatsapp.png

 Terça á Sábado: 09:00 - 19:00

Tel: (11) 2941-9030 

  • Preto Ícone Instagram
  • Twitter Basic Black
  • Facebook Basic Black
  • Black Google+ Icon

R. Antônio de Barros, 10 - Tatuapé,
São Paulo - SP, 03089-000, Brasil

® 2020 Todos Direitos Reservados por Diva Beauty e Estética. Desenvolvido por Agência x10